Mostrando postagens com marcador Fred Campos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Fred Campos. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 15 de maio de 2024

Desesperados, aliados de Fred Campos promovem baderna na tentativa de impedir prefeitura de trabalhar no Paranã

No protesto, a presença de Paulo Sampaio, condenado por planejar assalto que resultou no estupro de criança de 11 anos, chamou atenção 

A cada dia que passa fica mais evidente o desespero que toma conta da oposição em Paço do Lumiar. Ao tomar conhecimento do convite do Palácio dos Leões para a prefeita Paula Azevedo participar da solenidade de inauguração do Iema, neste sábado(18), aliados de Fred Campos tentam promover o caos no município, às vésperas do evento.

Nesta quarta-feira (15), a Prefeitura de Paço do Lumiar, que vem trabalhando diariamente para garantir melhores condições de trafegabilidade em várias ruas e avenidas, foi impedida de atuar no bairro do Paranã, com serviços de restauração asfáltica. 

Em meio a balbúrdia, Paulo Sampaio, detentor de uma eterna e bárbara ficha criminal jamais esquecida pelos maranhenses e aliado fiel do pré-candidato a prefeito Fred Campos. Foi Paulo Sampaio que planejou a barricada na via, que ordenou o incendeio dos pneus, bloqueando trecho da avenida e prejudicando o fluxo de veículos no local.

Essa turma odiosa, que não respeita a autoridade máxima do município, nem o direito de ir e vir dos cidadãos, não quer ver Paço do Lumiar progredir. Por isso, tentam, a todo custo, plantar desordem na cidade, causando transtornos para moradores, motoristas, pedestres, comerciantes e, ainda de tabela, poluindo o meio ambiente. 

Costumamos ver protestos reivindicando melhorias. Agora, manifestação impedindo o trabalho da Prefeitura, isso é novidade, e só Fred Campos e seus comandados para conseguirem tal proeza. E quem sai prejudicado com esse ato de selvageria? A população.

segunda-feira, 13 de maio de 2024

Política: O duelo entre Paula Azevedo e Fred Campos, uma luta entre a humildade e a arrogância


A soberba do homem o abaterá, mas a honra, sustentará o humilde de espírito”. (Provérbios 29:23)

De origem simples, mulher negra, agricultora, e mãe de família, essa é prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo (PCdoB), ou Paula da Pindoba, como gosta de ser chamada a gestora municipal que vem contrariando a vontade dos coronéis que a menosprezam. Eleita como vice, chegou ao poder no mesmo mandato, após o afastamento de Domingos Dutra por questões de saúde.

Ela conquistou a reeleição e por conta dos avanços vem gravando seu nome na história política do município. No seu último ano de gestão, além do trabalho, Paula Azevedo vem servindo de exemplo não só para as mulheres lumineneses, mas de todo o estado, provando que agregado à competência, a simplicidade pode ser uma poderosa ferramenta contra a prepotência, como alerta o antigo provérbio bíblico.

Abraçada por onde passa, como aconteceu no sábado (11), quando esteve prestigiando as comemorações do aniversário da professora doutora Mary Ferreira, a prefeita defende seus valores. Nessa coerência, escolheu apoiar o pré-candidato a prefeito e presidente da Câmara, Jorge Marú (SD) por seu histórico nas comunidades e bairros de Paço do Lumiar.

Do outro lado, os adversários investem não apenas na política da ofensa, mas também do desprezo, a exemplo de Fred Campos (PSB), apoiado pelo governador Carlos Brandão (PSB). Ambos, de forma infrutífera, tentam a qualquer custo apagar a imagem da gestora durante seu próprio mandato.

Sem nunca ter conseguido digerir o sonoro “não” advindo das urnas, Fred tenta agir como se fosse prefeito e o governador parece ter esquecido o apoio que recebeu de Paula durante a campanha que o elegeu em 2022. Coincidência ou não, Campos e Brandão sofrem com a crescente rejeição popular no sétimo maior colégio eleitoral.

RACISMO ESTRUTURAL:

Assim é o racismo estrutural, que insisti em não reconhecer o lugar de fala de alguém por sua cor, gênero ou situação social, porém o povo acordou e talvez por isso, Fred discursou para cadeiras vazias no Alto Laranjal na última semana, um contraste evidente entre a mulher que é honrada por sua simplicidade e o homem que em mais uma eleição, pode ser abatido pelo próprio orgulho.

O antigo provérbio bíblico sobre o contraste entre a presunção e a humildade não só expressa uma realidade como também pode prever um desfecho anteriormente vivido por Zé do Posto. Convicta na decisão tomada, digo, o apoio a Jorge Marú, Paula Azevedo não se rende e mostra que mesmo diante das perseguições, a resiliência e serenidade da mulher mais uma vez pode derrubar a petulância de quem não consegue interferir em suas escolhas nem decidir os rumos do seu governo.

sábado, 11 de maio de 2024

Eis a Diferença: Enquanto PMB fecha com Jorge Marú, Fred Campos “passa o pano” para agressores

Fred Campos ao lado do seu "assessor" Paulo Sampaio 



Paço do Lumiar vive uma política dividida entre dois lados atualmente, enquanto um defende a proteção e luta pelos direitos dos cidadãos e das cidadãs luminenses, o outro lado procura a conveniência, sustentando alianças até com quem tem uma vida pregressa assustadora.  

Na manhã deste sábado, (11), a presidente do Partido da Mulher Brasileira (PMB), Efigênia Tavares participou  de uma entrevista aos apresentadores Thiago Aroso e Nilson Júnior, durante o programa “Conversa Franca”, pela “Rádio Web Interativa”, no Maiobão. Na oportunidade, ela elogiou a história de vida da prefeita Paula Azevedo(PCdoB) e sua luta contra o preconceito, por ser mulher, negra e agricultura, destacando também a coerência e liberdade política da chapa liderada pelo presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Jorge Marú.

“Nosso partido está em boas mãos aqui nesta cidade, pela boa articulação e engajamento da pré candidata a vereadora Yanne Pessoa. Estamos com Jorge Marú e com a prefeita Paula Azevedo, pois vemos com eles a liberdade de diálogo e o respeito que fazem a diferença na vida pública”, disse Efigênia.

Enquanto o parlamentar recebe o aceno positivo de um partido que tanto valorizar as mulheres, seu adversário Fred Campos (PSB) mantém em seu grupo nomes como de Paulo Sampaio, ex-presidiário, que foi condenado por ser o “cabeça” de um crime bárbaro ocorrido a mais de 20 anos no bairro Jardim Eldorado em São Luís, onde seus cúmplices mantiveram uma família refém e estupraram três mulheres, entre elas, uma criança de apenas 11 anos de idade. 

Se não bastasse, atualmente, o político amigo de Fred protagoniza ofensas pessoais, xingamentos e ameaças a prefeita Paula Azevedo nas redes sociais e durante manifestações. Não adianta um discurso de moralidade se na prática, Fred se alia a pessoas  que possuem não apenas o passado nebuloso, mas também um presente que demonstra a falta de respeito e preconceito contra a mulher.

Presidente do PMB Maranhão, Efigênia Tavares confirma apoio do Diretório Estadual a Jorge Marú

Yanne Pessoa e Efigênia Tavares



Lutadora de carreira e militante assídua pela participação da mulher na política, a presidente estadual do Partido da Mulher Brasileir a(PMB), Efigênia Tavares participou na manhã deste sábado(11), de entrevista ao apresentador Thiago Aroso e Nilson Júnior, do programa “Conversa Franca”, ao vivo pela “Rádio Web Interativa”, no Maiobão. De início, Efigênia falou sobre a força do PMB, que possui nominatas em mais de 60 municípios no estado, com candidaturas majoritárias nas cidades de Imperatriz, São Mateus, Açailândia e outras localidades.

Em Paço do Lumiar, o partido é liderado pela ex-secretária municipal de educação, pré-candidata a vereadora, Yanne Pessoa. O PMB, legenda que defende as mulheres, apoia a pré-candidatura de Jorge Marú, bem diferente de Fred Campos, adversário que tem no seu grupo, pessoas como Paulo Sampaio, condenado por planejar um assalto em que seus comparsas renderam uma família e estupraram três mulheres, incluindo uma criança de apenas 11 anos no Jardim Eldourado, em São Luís.

A presidente também falou sobre a relação do partido com o governador Carlos Brandão (PSB): “Nós trabalhamos de forma independente, neutra em relação ao governador, não percebemos tanto interesse dele em caminharmos juntos, mas também não somos adversários”, explicou.

Em relação a Paço do Lumiar, Efigênia falou que o partido acredita na eleição de pelo menos três nomes ao parlamento e elogiou a coragem da prefeita Paula Azevedo(PCdoB), uma mulher negra, agricultora, que não se intimida diante das pressões de adversários e ofensas pessoais. Ela também falou sobre o apoio da direção estadual ao projeto municipal do pré-candidato a prefeito, Jorge Marú (Solidariedade).

“Nós gostamos muito do projeto do Jorge no Município, estamos caminhando com ele e vamos contribuir para que ele saia vencedor em Paço do Lumiar. Essa liberdade que existe dentro do grupo é fundamental, não existe chantagem, nem pressão para que ninguém apoie ou deixe de apoiá-lo”, comentou.

A presidente do PMB também comentou sobre a política da oposição na cidade: “Estamos lutando contra esse leilão que se instala por meio dos poderosos, que saem coletando todas as lideranças partidárias e desmontando as chapas, a política precisa ser de debate e não de barganha. Ao meu ver, esse é mais um motivo para as mulheres se unirem e lutar contra esse sistema que prejudica a democracia”, finalizou.

quarta-feira, 8 de maio de 2024

Sem visão política clara, Fred Campos fica cada vez mais confuso na escolha de vice

“Marmelada de banana, bananada de goiaba, goiabada de marmelo”, assim diz o trecho da famosa composição musical “Sítio do Picapau Amarelo”, de Gilberto Gil em homenagem a série que traduz para a televisão brasileira, as clássicas obras de Monteiro Lobato. A canção também serve como uma boa analogia para a confusa composição política de um certo pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar.

Morador do Sítio Grande, na região do Maiobão, Fred Campos(PSB), vulgo “Zé do Posto”, faz uma verdadeira salada política tentando sustentar um grupo dividido, que mistura bolsonaristas e petistas, líderes sem reconhecimento dos seus liderados e brandonistas cada vez mais antipatizados, surfando no legado deixado por Flávio Dino. 

Quando o assunto são os pretendentes a vice, Fred demonstra não saber onde quer chegar, nem qual visão política abraça. Assim como o Sítio do Picapau Amarelo, que vez ou outra recebia personagens exóticos que apareciam apenas em breves participações na trama, assim acontece nas bandas do Sítio Grande.

"Zé do Posto" entre a esposa (E) do deputado Pará Figueiredo (D)

Em 2023, havia forte cogitação de que o deputado estadual Pará Figueiredo(PL), o “Parazinho” , aceitaria o desafio ou indicaria sua esposa ao projeto de Campos. A vereadora Ana Lúcia(PSD), também já foi ventilada e o empresário Tiago do IESF, vice de Campos no último pleito municipal foram cogitados mas não deram em nada até agora. 

"Zé do Posto" iludiu Ana Lucia

"Zé do Posto" também gerou expectativa a Tiago do Iesf 

Desta vez, parece que Fred tenta emplacar a sobrinha do governador, Mariana Brandão, que há pouquíssimo tempo pousou de pára-quedas pela primeira vez no Maiobão.

"Zé do Posto" e a "escolhida"

Se essa for a aposta, Fred precisará encarar a dura realidade da degradação do prestígio do governador que traiu aliados na Assembleia Legislativa, com a eleição da atual presidente da Casa, Iracema Vale(PSB), com os desmandos fracassados para empossar Daniel Brandão no Conselho do TCE e a birra com prefeitos na execução de obras em municípios, enquanto rodovias estaduais enfrentam condições precárias e pacientes com câncer morrem nos hospitais do estado.

Enquanto Fred apresenta um mundo de fantasias, recheado de personagens que nada têm haver com Paço do Lumiar, a realidade exige líderes que não só conheçam o município, mas que também apresentem soluções e não mera propaganda.

terça-feira, 7 de maio de 2024

"Não devo mais à justiça. Nunca neguei meu passado, mas não fiz nada na intensidade que vocês estão falando”, admite Paulo Sampaio


Visivelmente atordoado com a informação que chocou os cidadãos luminenses de que foi condenado como “mentor intelectual” de um assalto ocorrido à uma mansão no Jardim Eldourado, onde três jovens foram estupradas, entre elas uma menor de 11 anos, o “quase pastor” Paulo Sérgio Sampaio Mendes, popularmente conhecido como “Paulo Crânio” não foi bem orientado e reagiu de maneira equivocada a verdade revelada.

O ataque, “irmão”,  nem sempre é a melhor estratégia de defesa. Diante de situações indefensáveis, como é o caso, o silêncio é oportuno  e deve ser adotado por pessoas inteligentes.

EMENDA PIOR QUE O SONETO:

Muito embora não tenha nenhuma importância ou representatividade, figurando, apenas, como um simples aliado dos irmãos  Alderico e Fred Campos, este último pré-candidato a prefeito em Paço do Lumiar, no vídeo gravado em frente à delegacia do Maiobão, onde esteve para registrar Boletim de Ocorrência por entender estar sendo vítima de uma campanha difamatória, a emenda saiu pior que o soneto.

Além da disputa política, Sampaio admitiu a verdade que até então tentava esconder. Em um trecho, que iremos divulgar abaixo, ele diz: “não devo mais à justiça. Nunca neguei meu passado, mas não fiz nada na intensidade que vocês estão falando”, em outras palavras, “Crânio” admitiu o ato criminoso, questionando, somente, a intensidade do mesmo.


ENTENDA O CASO:

No próximo dia 28, irá completar exatos 23 anos de um dos mais horrendos assaltos registrados em São Luís. Naquela fatídica noite, oito homens, dos quais cinco fortemente armados invadiram uma mansão de um abastado empresário do ramo varejista fazendo vários reféns, enquanto os outros três arquitetaram e ofertaram apoio material à ação criminosa.


Entre as vítimas, uma emprega doméstica e duas filhas dos donos da casa. A menor, de apenas 11 anos, conforme narrou em depoimento perante o Ministério Público e publicado abaixo, assim como a serviçal, foram estupradas por três dos cinco bandidos presentes, já a adolescente satisfez a lascívia de dois dos algozes, um deles, inclusive, na época, suspeito de portar vírus HIV.  

Em seguida, o casal de proprietários chegou e foi rendido. Para aumentar a tortura psicológica, álcool fora jogado no marido para assegurar a entrega da maior quantidade de dinheiro, enquanto a esposa foi levada para outro cômodo a fim de que fosse abusada sexualmente, só não acontecendo porque estava menstruada. Na oportunidade, o coito anal na modalidade tentada acabou sendo configurado contra a matriarca da família.


Passada oito horas e meia de terror, depois de terem sido obrigadas a cozinhar,  enquanto os acusados bebiam e comiam à beira da piscina, o grupo foi embora levando joias, R$60 mil reais e dois veículos, que foram recuperados no bairro da Aurora.

INFORMAÇÃO RATIFICADA:

Todo esse relato consta no processo de nº 0011547-18.2001.8.10.0141 com mais de 1.500 páginas e que é de domínio público. Nos autos, também, foi feito o detalhamento da conduta delituosa de cada partícipe, entre eles, a de Paulo Sampaio, a quem foi atribuída a mentoria intelectual da barbárie, razão pela qual o mesmo fora condenado há pouco mais de nove anos de prisão em regime fechado.

Independente da autoria, a matéria apenas publicizou detalhes de um crime investigado nas esferas policial e judicial, cujo material probatório foi de inteira responsabilidade dos agentes públicos que atuaram no caso. Já a imprensa, por previsão legal, cumpriu com o seu papel primordial, digo, informar dentro dos limites e parâmetros legais.

DIREITO AO ESQUECIMENTO:

Os Tribunais Superiores entendem que o “DIREITO AO ESQUECIMENTO” é algo incompatível com o ordenamento jurídico brasileiro – não podendo, em hipótese alguma, servir de justificativa para barrar, impor ou impedir a elaboração, publicação e exclusão de matéria jornalística de site.

O material, ateve-se a divulgar as informações com os devidos documentos, dando conta, inclusive, do cumprimento na sua totalidade da punição imposta a Paulo Sampaio, portanto, não há o que se porque falar em denegrir imagem ou caluniar, podendo a veracidade ser comprovada em uma simples consulta através do número do processo acima disponibilizado

Muito bom seria se pudéssemos escrever a  nossa história de vida em uma folha de papel e quando conveniente, utilizássemos uma borracha ou corretivo iniciando nova redação. Não, caro amigo, não é assim que as coisas funcionam. Os nossos atos e comportamentos, positivos e negativos, irão nos acompanhar além da vida terrena.

A situação, diferente do que pensas, não teve o propósito de difamar sua imagem, pelo contrário, apenas buscou evidenciar que seu discurso é um engodo, mentiroso e oportunista, já que não tens condições ético-moral de tecer crítica contra quem quer que seja.

Mesmo não devendo à justiça, como de fato e muito bem dizes, o seu passado jamais poderá ser esquecido ou apagado, pois denota a sua essência. Assim sendo, vamos concluir fazendo um desafio. Você seria capaz de gravar um vídeo respondendo aos luminenses a seguinte indagação: O Paulo Sampaio que gravou ontem em frente à delegacia é o mesmo Paulo Sampaio condenado no processo pelo assalto  a mansão no Jardim Eldourado em 28 de maio de 2001. Sim ou Não? Essa é a pergunta que insiste não calar.

segunda-feira, 6 de maio de 2024

Conheça um pouco da vida pregressa do “irmão” Paulo Sampaio, aliado do Clã Campos, “mentor intelectual” do assalto que resultou no estupro de várias mulheres, entre elas, uma menina de 11 anos


As ações de cada ser humano na vida terrena são moldadas pelo que já passamos e esperamos vivenciar. E o que isso quer dizer? A mente coleciona cada momento com o que já aconteceu e o que estar por vir, ou seja, o presente é comparado com o passado e relacionado com o futuro.
 
Feita as devidas considerações, passaremos a partir de então a discorrer sobre o personagem principal da nossa matéria: Paulo Sérgio Sampaio Mendes, o irmão “Paulo Sampaio”, evangélico fervoroso e aliado de primeira do Clã Campos, com ênfase aos irmãos Fred e Alderico Campos, o primeiro pré-candidato a prefeito em Paço do Lumiar.


Na atualidade, nosso “ator principal” é um homem probo, temente a Deus e de conduta ilibada Pelos menos em tese, essa tem sido a impressão de centenas de luminenses que acompanham, diuturnamente,  os vídeos gravados com duras críticas que atingem não apenas à gestora, mas, também, à honra e integridade da prefeita de Paço do Lumiar – Paula Azevedo.
 
Na novela “escrita” e “estrelada” por Sampaio,  a cada novo capítulo, a sinopse sempre segue o mesmo roteiro: a denúncia de supostos roubos e atos de corrupção. Mas conforme gravou o filósofo grego Aristóteles que não existe o hoje sem o ontem, é que iremos esmiuçar um pouco do “passado sombrio” e “tenebroso” do nosso “galã”, para que todos entendam quem de fato ele foi e é.
 
Especula-se que esse comportamento, apesar do viés religioso, exatamente tem o propósito de desgastar a atual mandatária com foco no pleito eleitoral que se avizinha, já que Paula lançou Jorge Marú como candidato do grupo Azevedista.
 
ASSALTO À MANSÃO NO ELDOURADO:
No próximo dia 28, irá completar exatos 23 anos de um dos mais horrendos assaltos registrados em São Luís. Naquela fatídica noite, oito homens, dos quais cinco fortemente armados invadiram uma mansão de um abastado empresário do ramo varejista fazendo vários reféns, enquanto os outros três arquitetaram e ofertaram apoio material à ação criminosa.

Dados da autuação do processo no Poder Judiciário


Entre as vítimas, uma emprega doméstica e duas filhas dos donos da casa. A menor, de apenas 11 anos, conforme narrou em depoimento perante o Ministério Público e publicado abaixo, assim como a serviçal, foram estupradas por três dos cinco bandidos presentes, já a adolescente satisfez a lascívia de dois dos algozes, um deles, inclusive, na época, suspeito de portar vírus HIV.  



O depoimento da menor narrando o estupro no assalto que “Paulo Crânio” arquitetou

Em seguida, o casal de proprietários chegou e foi rendido. Para aumentar a tortura psicológica, álcool fora jogado no marido para assegurar a entrega da maior quantidade de dinheiro, enquanto a esposa foi levada para outro cômodo a fim de que fosse abusada sexualmente, só não acontecendo porque estava menstruada. Na oportunidade, o coito anal na modalidade tentada acabou sendo configurado contra a matriarca da família.
 
Passada oito horas e meia de terror, depois de terem sido obrigadas a cozinhar,  enquanto os acusados bebiam e comiam à beira da piscina, o grupo foi embora levando joias, R$60 mil reais e dois veículos, que foram recuperados no bairro da Aurora. Todo esse relato consta nos autos do processo de nº 0011547-18.2001.8.10.0141.
 
Pelo modus operante e requintes de crueldade, logo o sistema de segurança iniciou às investigações, não tardando para que os envolvidos fossem presos, entre eles, adivinhem quem: Bingo. Acertou em cheio quem pensou no nosso personagem principal, naquela época, conhecido pela alcunha de “Paulo Crânio” - aliado de Fred e Alderico Campos, conforme foto abaixo.
 
No depoimento de um dos acusados, leia abaixo, detentor de uma extensa ficha pregressa, “Crânio” foi apontado como “mentor intelectual” do assalto, já que conhecia à rotina da família. Na instrução, ele adotou negativa de autoria como tese de defesa, o que de nada adiantou, acabando por ser condenado com os demais comparsas. No total, as penas ultrapassaram 250 anos de prisão.

O depoimento de um dos comparsas afirmando que Paulo Crânio foi quem arquitetou o crime

 
JUSTIÇA DOS HOMENS:
Apesar da gravidade e violência do crime, à justiça o condenou a 9 anos e 3 meses de reclusão em regime fechado, pena que já fora, integralmente,  cumprida, portanto, baixada nos autos. E  embora tenha “acertado contas” com à Justiça dos homens, Paulo Sampaio, o “Crânio”, tem condições moral e/ou credibilidade para atacar ou chamar quem quer que seja de bandido ou corrupto?

Parte do relato da sentença proferida pelo magistrado quanto a participação de Paulo Crânio, mentor da ação criminosa
 




Como a defesa apresenta Paulo Crânio em petitório pleiteando a soltura dele, na época

Diante desse relato de terror que vitimou uma família, que após o ocorrido vendeu tudo e foi embora do Maranhão, essa tem sido a inquietante pergunta que insiste em não calar.


As gravações diárias, como essa, feitas em um protesto de professor, mesmo sem ocupar tal mister profissional, pelo hoje “irmão” visando denegrir à imagem da gestora municipal.

domingo, 28 de abril de 2024

Enquanto Fred Campos passeia no Uruguai, aliada arma barraco em frente à Prefeitura

Após ser afastada, ex-gestora da UBS Paranã iniciou campanha difamatória contra Paula Azevedo

A enfermeira Patrícia Maia, residente na praça do Paço do Lumiar, ex-gestora da UBS Paranã, terá que responder perante  às autoridades competentes os delitos de calúnia, injúria e difamação contra a prefeita - Paula Azevedo(PCdoB). No final da manhã de quinta-feira(25), usando palavras ofensivas e de baixo calão, aos gritos e visivelmente descontrolada, Maia precisou ser contida para não invadir a sede do Poder Executivo, onde a prefeita se reunia com auxiliares.

ENTENDA O CASO

Por volta das 11:20h, uma aluna do Centro de Ensino professor Machadinho, de aproximadamente 16 anos, desmaiou em via pública. O incidente ocorreu em frente a UEB  professora Maria de Lourdes Carvalho Silva, e ao ser informada, com a ajuda de funcionários -  Larissa Santos -  gestora da escola municipal - acionou uma ambulância, a família e, ainda, iniciou o procedimento de reanimação, o que logo aconteceu. A adolescente foi entregue ao pai, e este orientado a levá-la ao hospital para investigar à motivação do mal súbito.

Atualmente, aliada do pré-candidato a prefeito Fred Campos, sem a menor compostura, Maia que conversava em um bar ao lado da Prefeitura e sabia que a gestora municipal estava trabalhando, deu início ao “show particular”. Oportuno ressaltar que a enfermeira não tem qualquer relação de parentela ou amizade com a estudante ou familiares da mesma.

Como uma boa aliada, Maia sempre faz questão de marcar presença nos eventos de Campos

MUDANÇA REPENTINA

Como uma boa aliada, Maia sempre faz questão de marcar presença nos eventos de Campos.Enquanto exerceu as atividades profissionais no comando da UBS Paranã esse não era o comportamento da enfermeira, pelo contrário, enaltecia e defendia à gestão. No entanto, após o desligamento dos quadros por reclamações dos munícipes, a mesma adotou tal postura.

DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS

Não satisfeita com o ocorrido, como se estivesse com o estado psíquico alterado, Patrícia Maia gravou inúmeros áudios ofensivos e distribuiu nos grupos de WhatsApp, que já foram apresentados às autoridades competentes e estão consubstanciado os procedimentos acusatórias. Nas gravações, ela tenta justificar o injustificável dando a falsa impressão que estava “defendendo” o “interesse da adolescente” por entender que a gestão municipal  não vem oferecendo uma prestação de serviço a contento.

O engraçado é que essa não foi a postura de Maia, a defensora dos “oprimidos”, quando um idoso ficou jogado em frente à Unidade de Pronto Atendimento – UPA em Paço do Lumiar, administrada pela Secretaria de Saúde do Estado – SES, e cuja diretora foi indicada por Fred Campos.

RESPEITO PRECISA PREVALECER

É estarrecedor quando as pessoas perdem a serenidade, dando a falsa impressão que adversário é inimigo. O direito de nos insurgir contra o que achamos certo ou errado é cabível, porém precisamos atender os parâmetros e limites da boa convivência.

Não é pelo fato de ser prefeita e, sim, por ser mulher, esposa, mãe, avó, cidadã, resumindo, ser humano, dotada de deveres e direitos, que Paula Azevedo deve e precisa ser respeitada. E o mais lamentável é perceber que tal comportamento advém de outra mulher, que permite ser usada para atender interesses de outrem.

LADO BOM 

E como todo episódio tem o lado bom e ruim, neste caso,   a pouca ou quase nenhuma inteligência daqueles que financiam e estimulam esse tipo de ataque soa como positivo. O cidadão ou cidadã nem vai querer saber quem é Patrícia Maia. Ela continuará sendo aquilo que sempre foi, ninguém, cabendo a mesma a parte chata nesse imbróglio, ou seja, gastar dinheiro para contratar advogado e tempo para se dirigir à delegacia e fórum. 

O que já não acontece com Fred Campos, que embora esteja no Uruguai passeando com a família, é suspeito de insuflar e patrocinar esses ataques por conta do momento político. Essa possibilidade, mesmo pendente de confirmação, acaba por afetar diretamente a imagem do prefeiturável, e talvez explique o porquê mesmo fazendo campanha pela manhã, tarde, noite e madrugada, não consegue crescer nas pesquisas muito menos diminui a rejeição estratosférica que tem lhe tirado o sono.


segunda-feira, 15 de abril de 2024

Com chuva forte, população sobre com obra mal feita de Fred Campos e paga pelo governador Carlos Brandão


“Quem não é por nós, é contra nós, quem conosco não ajunta, espalha”, um ensinamento de Jesus Cristo que o “irmão” Fred Campos não sabe ou talvez ignora. De tanto brincar de prefeito, mesmo sem ter sido eleito, e de boicotar a prefeita Paula Azevedo, além de desrespeitar autoridades e lideranças políticas do município, o empresário segue inaugurando obras do governo do estado construídas em Paço do Lumiar pela sua construtora “Qualitech”, empresa licitada pelos leões vem dando muita dor de cabeça para moradores das comunidades por onde passa.

Bastou o período das chuvas começar para a verdade aparecer. As obras pagas por valores astronômicos para a Qualitech, que vem jogando o dinheiro do contribuinte pelo ralo cada vez mais causam problemas, como é o caso da Avenida 01 do Tambaú, arruinada pela enxurrada menos de uma semana depois de sua inauguração.

Fred também passou por cima da lei e executou a pavimentação da Estrada do Mojó sem alvará de construção, e o resultado de tantas arbitrariedades apareceu depois da chuva deste domingo(14), que levou embora os bloquetes de um trecho da pista e causou um imenso alagamento que atingiu casas da região.

Que Fred entenda: os céus estão dando o recado, a soberba precede a ruína, pois a verdade sempre prevalecerá!

domingo, 14 de abril de 2024

Enquanto Fred Campos expõe governador Carlos Brandão a vexame, aliados de Paula Azevedo evitam que gestor cometa crime


Para quem exerce cargo político, o primado da lei é algo imperativo. As relações comerciais e preferências pessoais não podem interferir no efetivo exercício do cargo, sob pena de responsabilização civil e criminal, é isso que diz a lei, estando todos, sem exceção, subjugados a tal regramento.

No entanto, neste sábado(13), o que se viu em Paço do Lumiar foi de estarrecer qualquer pessoa, minimamente inteligente,  o que dirá àqueles que tem por dever serem os guardiões e fiscais da lei. 

Além de vexame, por muito pouco, o governador do Estado - Carlos Brandão( PSB) não incorre ao erro, consumando uma improbidade administrativa, delito caracterizado pela violação aos princípios da legalidade, moralidade e impessoalidade entre outros, previsto na Lei Federal n. ° 8429/92. 

Por ironia do destino, Brandão foi salvo, acredite quem quiser, por aliados da prefeita Paula Azevedo(PCdoB) que não permitiram que a placa feita corretamente para marcar a inauguração do Maiobão Fast Food e que  misteriosamente sumiu fosse substituída por outra que não citava a gestora do município. 

A placa corretamente confeccionada

A placa que foi inaugurada

A placa que seria, mas aliados da prefeita não permitiram

O certo é que o desgaste não vai para o idiota que deu tal ordem, pois quem é ninguém continuará com o mesmo status quo, digo, sendo ninguém, a antipatia tem destino certo, o próprio governador Carlos Brandão que, na atualidade, tem em Paço do Lumiar, segundo as más línguas, percentual de rejeição semelhante ao seu pré-candidato, o “poderoso” Fred Campos, a maior na Grande Ilha e a quinta entre os 217 municípios maranhenses. E olha que 2026 tá logo aí.

quinta-feira, 28 de março de 2024

Felipe Camarão retira apoio a Fred Campos após aliança entre pré-candidato e Aluísio Mendes

O empresário Fred Campos, pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar pelo PSB, partido do governador Carlos Brandão, perdeu o apoio de seu principal braço político na tentativa de comandar os cofres do município.

O vice-governador e secretário estadual da Educação, Felipe Camarão (PT), não faz mais parte do grupo do proprietário da poderosa Qualitech. O afastamento ocorreu após Campos firmar aliança com o deputado federal Aluísio Mendes e o Republicanos, classificados recentemente pelo petista como “manifestadamente bolsonaristas”, em crítica à prefeita Paula Azevedo (PCdoB), exatamente pela tentativa de aproximação da gestora luminense com o parlamentar e o partido.


“Diante desse apoio não posso incoerente. Mantenho minha palavra. Retiro-me das articulações e deixo a decisão com o diretório municipal do PT. E não farei em hipótese alguma, neste caso, campanha contra a Paula vez que minha crítica era pontual neste sentido. Logo, são dois aliados que apoiaram o governo e o que um vale para um tem que valer para o outro”, respondeu ao ser questionado se manteria o posicionamento diante da movimentação do agora ex-aliado visando as eleições de 2024.

Felipe Camarão disse ainda que soube da aliança de Fred Campos com Aluísio Mendes e o Republicanos pelo próprio pré-candidato nessa terça-feira (26), por isso, decidiu ficar neutro na disputa pela prefeitura de Paço do Lumiar.

“Não tenho mais declarar apoio o Fred neste contexto”, reafirmou.

Em fevereiro, em entrevista a uma emissora de rádio  o vice-governador classificou como “incompatibilidade ideológica” a tentativa de aproximação de Paula Azevedo com presidente do Republicanos no Maranhão.

“Me causou muita estranheza, de forma muito particular, a aliança com um partido bolsonarista, presidido pelo deputado federal Aluísio Mendes, que é um partido da base manifestamente bolsonarista, com uma deputada bolsonarista de Imperatriz [Mariana Carvalho] que fala mal todos os dias do presidente Lula, do governador Carlos Brandão, de Flávio Dino, e do nosso partido”, disse Camarão, durante o Ponto Continuando.

Questionado, Fred Campos ignorou as críticas feitas por Felipe Camarão à aliança dele com bolsonaristas. Para o pré-candidato a prefeito, questionamentos feitos pela reportagem a respeito dos novos apoiadores, seriam apenas tentativas frustradas de provocar desavença entre ele e o vice-governador.

“Não cria briga minha com Felipe, não. Que tu não consegue”, desdenhou.

Pivô do afastamento, o deputado federal Aluísio Mendes rebateu o vice-governador do Maranhão. Sobre o julgamento de Camarão contra Paula Azevedo, ele apontou inconsistência no posicionamento do petista maranhense, enfatizando que o Republicanos integra o governo do presidente Lula (PT) e que, no passado, o próprio Felipe Camarão fez parte do governo da hoje deputada federal Roseana Sarney (MDB).

“Não vi a colocação do vice-governador sobre isso, mas se houve acho que ele deveria também tirar o apoio ao presidente Lula, que fez do seu governo um governo de coalizão, inclusive com a participação do Republicanos que hoje ocupa uma pasta no ministério dos Portos e Aeroportos. Falta ao vice governador maturidade e coerência, logo ele que por anos esteve ligado ao grupo político da ex-governadora Roseana Sarney e hoje está travestido de petista”, disse.

O blog buscou também o posicionamento do governador Carlos Brandão a respeito do assunto, mas o mandatário do Estado, que preside o PSB no Maranhão, não retornou o contato.

segunda-feira, 25 de março de 2024

Reginaldo Santana expõe influência elitista no PT de Paço do Lumiar

O cerco contra uma das articulações tramadas por Fred Campos(PSB) e Felipe Camarão(PT) mais ardilosas que já atingiu a militância política luminense está se fechando. Reginaldo Santana, um dos mais antigos e influentes militantes da vida pública municipal desabafou durante entrevista à “Rádio Web Interativa”, do Maiobão e falou sobre sua preocupação e os reflexos da situação de Paço do Lumiar para o estado. 

A fala reitera a Carta Aberta publicada pela prefeita Paula Azevedo (PCdoB) em sua rede do Instagram no último domingo(24), que além da rivalidade política, expôs a interferência de membros da extrema direita na liderança de partidos como o PT e PSB, além de lamentar a forma como as federações estaduais estão calando agricultores, mães de família, negros e grupos de matriz africana em favor de empresários e fazedores da velha política.

Não apenas dentro dos partidos, a interferência de Carlos Brandão(PSB) e Felipe Camarão(PT) nos municípios vem sendo denunciada por prefeitos, vereadores e sindicalistas, a exemplo do prefeito Calvet Filho(Republicanos) do município de Rosário e militantes que compareceram à Conferência Estadual do PT, em São Luís. 

Vale destacar que além de ser o sétimo maior colégio eleitoral do estado, Paço do Lumiar foi o único município da região metropolitana de São Luís a eleger uma liderança executiva de esquerda em 2020, no caso, a atual gestora Paula Azevedo(PCdoB). O temor da classe local é que a dureza de Brandão, a arrogância de Camarão e Fred resulte na ruína do projeto da esquerda luminense e fortaleça o bolsonarismo e a extrema direita.

“O que temos haver com Fred Campos? Um homem que sempre nos humilhou, se posicionou contra a nossa luta e agora nos divide. Nossa federação se afastou criminosamente das nossas bases eleitorais e partidárias, e isso causa uma desconfiança da sociedade, nos enfraquece”, explicou Reginaldo em sua fala.

domingo, 24 de março de 2024

TACA À VISTA: Evento apoiado por Fred Campos mostra a vontade do luminense ignorada por Brandão e CIA LTDA


Ao longo da semana, o empresário Fred Campos, também conhecido como “ Zé do Posto” ou “ Menino Campos” juntamente com o aliado Diego do Império - dono da dança portuguesa Império de Lisboa, usaram carros de som convidando o munícipe para prestigiar o projeto “Nina nos Bairros” , neste domingo(24), na Praça da Família, no Maiobão, coração do Paço do Lumiar. Um dos maiores bois de orquestras do Maranhão, uma característica marcante na brincadeira, além das belas índias, é arrastar uma multidão por onde passa, exceto em Paço do Lumiar, conforme registro de um morador.

O fiasco do momento cultural, de forma impressionante, serve apenas como pano de fundo para o atual cenário politico vivenciado no Paço do Lumiar e leva um recado claro da resposta que o povo, mas uma vez, deverá dar nas urnas a Campos e todos os amigos poderosos, entre eles, o governador Carlos Brandão, o vice-governador Felipe Camarão e os demais aliados.

Apesar do apoio irrestrito do Governo Estadual, o prefeiturável não consegue reduzir, nem por reza, à rejeição estratosférica que possui. Pelo contrário, a cada novo episódio protagonizado, essa antipatia só aumenta, e o evento de hoje é uma reposta direta do luminense. “Menino Campos” ainda não entendeu que o poder do dinheiro pode muita coisa, mas não pode tudo.

Veja o vídeo: 

quarta-feira, 20 de março de 2024

Pela dificuldade em fazer um “poste” subir, desespero toma conta dos aliados de Fred Campos que espalham mentiras para encobrir retaliações

Os aliados do empresário Fred Campos estão empenhados em disseminar falsas narrativas pelo Maranhão afora. Uma delas, é a ideia de que as tensões entre a prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo (PCdoB), e o governo de Carlos Brandão (PSB) são causada pelo apoio da gestora a um pré-candidato bolsonarista, que seria Jorge Maru (Republicanos).

A realidade é que a prefeita enfrenta retaliações por uma série de razões, entre elas, o fato de não compactuar com os interesses comerciais dos aliados de Fred Campos, que concorreu na última eleição pelo PL, partido do ex-presidente Bolsonaro.

Com uma capacidade bastante reduzida em raciocinar, o curioso é que esse grupo de aliados não têm o mínimo entendimento do que diz, escreve e divulga. Alegam uma questão ideológica para justificar suas acusações infundadas, ignorando completamente os fatos. Afinal, a base do governo Brandão conta com diversos políticos bolsonaristas, como os deputados (as)estaduais, Mical Damasceno (PSD) e Yglésio, que mudou sua postura política para defender Bolsonaro, além de fazer parte do partido do próprio governador.

É evidente que a questão ideológica é apenas uma cortina de fumaça para encobrir as motivações no cenário político atual em Paço do Lumiar. A verdade é que estamos diante de mais uma, entre tantas, tentativas desesperadas de impulsionar o “poste” que eles escolheram, chamado Fred Campos, que há anos faz campanha e continua com uma  popularidade inexistente, e só consegue ter fama por seu comportamento arrogante,  desrespeitoso, além de práticas ilegais e postura machista.

Diante desses fatos, fica claro que os aliados do “menino Campos” estão mais interessados em disseminar mentiras e difamar seus opositores do que em discutir questões relevantes para o desenvolvimento de Paço.

quarta-feira, 13 de março de 2024

Ao mentir para ajudar Fred Campos, André Fufuca pode responder por crimes de Improbidade e Responsabilidade

A Administração Pública, seja ela federal, estadual ou municipal impõe muitas restrições aos agentes políticos e públicos, e quando estes agem em desacordo ao primado da lei, podem enfrentar uma enorme dor de cabeça. Que o diga o ministro dos Esportes – o deputado federal maranhense e que se encontra licenciado do cargo – André Fufuca.

Nesta segunda-feira(12), o progressista gravou um vídeo ao lado do “amigo” e “aliado” Fred Campos, pré candidato a prefeito de Paço do Lumiar. No material divulgado na rede social do prefeiturável, que também tem o apoio do governador Carlos Brandão(PSB), mesmo sem exercer qualquer cargo público na esfera municipal, o ministro afirmou que foi atendendo pedido de Fred, feito há seis meses, que Paço do Lumiar foi contemplado nessa fase do Novo Pac com um complexo esportivo.

“No momento em que o ministro assumiu que atendeu o pedido de um amigo pessoal utilizando a administração pública, houve o latente favorecimento pessoal, e como consequência a inversão do princípio básico da administração pública da supremacia do interesse público sobre o privado”, pontuou o advogado especialista em direito administrativo Adriano Santos.

Muito embora nenhum cidadão possa alegar o desconhecimento da lei, talvez a formação técnica em medicina tenha levado o ministro a cometer tamanha sandice para não chamar loucura. Além da Impessoalidade, um dos princípios norteadores da Administração Pública, Fufuca feriu inúmeros dispositivos legais, entre eles, o art. 2º c/c art. 4º, V e art.9º, IV e VII da Lei 10.079/50(Crime de Responsabilidade) e art. 11 da lei 8.429/92(Improbidade Administrativa).

Qualquer entidade com capacidade postulatória ou partido político com representação no Congresso que se sentir ofendido com tal comportamento, nada republicano, diga-se de passagem, poderá impetrar ação judicial e caso condenado, além da perda do cargo, a autoridade ficaria inabilitada para o exercício de função pública pelo prazo de até 05 anos.

terça-feira, 12 de março de 2024

Fred Campos induz André Fufuca a gravar vídeo e mentir sobre obras que são a pedido da Prefeita Paula Azevedo

Completamente desnorteado e sem uma assessoria política eficaz, Fred Campos, desta vez deixou o Ministro do Esporte, André Fufuca, fazer papel de trouxa ao gravar um vídeo e passar a informação deturpada sobre as futuras obras do Centro Esportivo Comunitário - do Novo Pac, que irão beneficiar Paço do Lumiar. O vídeo foi divulgado ontem (12), nas redes sociais do então pré-candidato. Confira abaixo:

A informação parece que foi maldosamente sonegada ao Ministro do Esporte, André Fufuca. A proposição para o recurso federal que trazem as obras do Novo Pac foram todas solicitadas e devidamente formalizadas junto ao Governo Federal - Ministério do Esporte, pela atual gestão da prefeita Paula Azevedo.

O ministro André Fufuca, assim como outros políticos, foi usado como mão de manobra por Fred Campos, para mais uma vez de forma irresponsável usar artimanhas que só prejudicam e confundem a população de Paço do Lumiar, com o único objetivo de  obter vantagem na corrida por votos. 

Fred Campos pediu ao ministro para gravar o vídeo e ainda afirmar o fato erroneamente nas redes sociais, que ele – “é o suposto autor do pedido pela construção do centro esportivo comunitário”.

Abaixo pode se comprovar a solicitação feita pela Prefeitura de Paço do Lumiar, conforme o anexo, das nove ações, inclusive o centro esportivo, nas áreas de saúde, educação, cultura, esporte e lazer.

O pedido do Centro Esportivo Comunitário consta com o protocolo de nº 005658323-01, no dia 09/11/2023, no site do Governo Federal, como consta na imagem.

Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos e ver a resposta da Assessoria Parlamentar do ministro André Fufuca sobre esse erro grotesco.