Mostrando postagens com marcador Rosário. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Rosário. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 8 de fevereiro de 2022

Prefeito chama Márcio Jerry de bandido, palhaço e moleque


O prefeito de Rosário, Calvet Filho (PSC) chamou Márcio Jerry, que atualmente está respondendo pela Secretaria Estadual de Cidades, de “bandido, palhaço e moleque”.

Márcio Jerry foi à cidade no domingo, 6, vistoriar os serviços do programa Mais Asfalto, mas sem a presença do prefeito Calvet Filho ou integrantes da prefeitura.

O gestor municipal lembrou que foi a prefeitura a responsável por fazer a medição das ruas e indicar em quais vias seriam realizados os serviços. No entanto, ao fazer a vistoria das atividades, Márcio Jerry deixou de fora a prefeitura, decidindo convidar outras “lideranças”.

“Nós quem medimos as ruas, indicamos as ruas, fizemos todo o planejamento e agora, para afagar o ego de ‘lideranças’, ele vem em Rosário e faz essa molecagem. Coisa de bandido, palhaço e moleque”, disparou Calvet Filho.

O prefeito afirmou ainda que Márcio Jerry, enquanto exercia o mandato de deputado federal, nunca esteve em Rosário ou destinou emendas para o município, mas agora está se aproveitando dessa situação para angariar votos em busca da sua reeleição.

Com informações do Blog Marrapá

terça-feira, 20 de julho de 2021

Prefeitura do Maranhão vai gastar R$ 13 milhões com funcionários terceirizados


A Prefeitura Municipal de Rosário, através de pregão eletrônico nº 008/2021, contratou a empresa Instituto de Desenvolvimento Social e Urbano – IDSU, para prestar serviços terceirizados de mão de obra em vários setores da administração pública municipal.

Ao todo, de acordo com a proposta, os recursos públicos que deverão ser empregados num prazo de 08 meses somam um montante de R$ 13.007.360,00 (treze milhões, sete mil e trezentos e sessenta reais).

Os profissionais que serão contratados são motoristas de veículos leves, assistentes administrativos, coveiros, zeladores, auxiliares de serviços gerais, maqueiros, auxiliares de operadores, auxiliares de manutenção elétrica e hidráulica, merendeiras, operadores de retroescavadeiras e motoristas de veículos pesados.

O atual mandatário do município, Calvet Filho (PSC), com esta licitação, descumpre a contratação legal por meio de concurso público e ainda aumenta os gastos sem estudo de impacto financeiro para um município.

Confira o extrato abaixo: